Category: Comercialização


Diário de Cuiabá – 03/05 /2011

O balanço do primeiro trimestre de 2011 revela que as exportações de milho aumentaram 31% em relação ao volume embarcado por Mato Grosso, em igual período do ano passado. Enquanto de janeiro a março de 2010 foram exportadas 1,42 milhão de toneladas, neste ano foram 1,86 milhão. Quando se compara a receita obtida nos períodos em análise, o incremento é ainda maior: 79%. Os negócios saltaram de US$ 255 milhões para US$ 457 milhões. Os números referentes à movimentação de abril ainda não estão disponibilizados pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC). Continue lendo
Anúncios

Olhar Direto – 04/04/2011

A China, maior comprador de soja do mundo, quer romper a intermediação das multinacionais norte-americanas que atuam no setor e quer investir na compra de soja diretamento dos produtores de Mato Grosso e de pelo menos outros cinco estados da Federação. Continue lendo

Folha do Estado Expresso MT – 08/02/2011

“É possível que fique mais soja em Mato Grosso. Os setores de aves e suínos a cada dia crescem no Estado, porém por hora o biodiesel, cuja composição é 80% de soja”.

As vendas externas da soja mato-grossense recuaram em 2010 14,86% ante o ano de 2009, resistindo inclusive ao apetite da China, principal compradora do produto. O Estado de Mato Grosso, no ano passado, deixou de exportar 5,41 milhões de toneladas do grão, de uma produção de 18,81 milhões de toneladas, quantidade destinada para a produção de biodiesel, farelo e óleo de soja. Em 2010 apenas 13,4 milhões de toneladas foram exportadas, enquanto que em 2009 foram 14,84 milhões de toneladas. Conforme produtores e especialistas, o aumento interno é visto com bons olhos. Continue lendo

Gazeta do Povo – 11/05/2010

Responsável por 13% do faturamento total do Paraná com as exportações no ano passado, o setor cooperativista é um dos principais motores da agroindustrialização do estado. Não por acaso, são as cooperativas agropecuárias as principais responsáveis pelo crescimento das exportações avícolas do estado, considera Julio Suzuki, economista do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Econômico e Social (Ipardes). Segundo informações da Organização das Cooperativas do Paraná (Ocepar), o setor é responsável por 60% da produção avícola estadual. Continue lendo

Agrolink – 26/04/2010

Foram exportadas pelo Porto de Paranaguá, no primeiro trimestre deste ano, 567.452 toneladas de trigo, o que representou um aumento de 408% em comparação ao mesmo período de 2009. O movimento de saída do trigo brasileiro chama a atenção, já que tradicionalmente o País é importador do cereal. A explicação está no incentivo dado pelo governo federal, por meio da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), que realizou leilões, garantindo preço mínimo aos produtores rurais. Continue lendo

Correio do Povo – 23/04/2010

Uma missão de seis inspetores da Coreia do Sul está no Brasil para vistoriar o sistema de produção de suínos. A comitiva está desde quarta-feira em Santa Catarina e não há confirmação de roteiro no Rio Grande do Sul. O grupo, que fica até o dia 6 de maio no país, deve analisar o sistema de saúde animal. Segundo o presidente da Abipecs, Pedro Camargo Neto, a visita é um bom sinal, já que é a primeira vez que aquele país envia técnicos ao Brasil. “Não quer dizer que irão abrir imediatamente o mercado, mas a vinda deles representa um passo muito importante.” Continue lendo

DCI – Diário do Comércio & Indústria – 26/04/2010

Agência Brasil

CURITIBA – Os produtores de carne de frango do Paraná avaliam que os três primeiros meses do ano foram favoráveis às exportações do setor ainda que o câmbio esteja desvantajoso. De acordo com levantamento do Sindicato das Indústrias de Produtos Avícolas do Estado do Paraná (Sindiavipar), em janeiro, fevereiro e março, foram abatidas 326,4 milhões de aves, o que representa 13% a mais do que no mesmo período do ano passado. O Paraná é o maior produtor de carne de frango do país. Continue lendo

DCI – Diário do Comércio & Indústria – 15/04/2010

Agência Estado – A China, maior comprador de soja do mundo, deve importar um recorde de 44 milhões de toneladas da oleaginosa em 2009/2010, uma alta de 7,3% contra a temporada anterior, de acordo com previsões do Centro Nacional de Informação de Grãos e Óleos (CNGOIC) do país. As plantas chinesas devem também processar um recorde de 47,5 milhões de toneladas de soja, incluindo a safra doméstica, acrescentou o instituto do governo. Continue lendo

Só Notícias – 01/04/2010

Pouco mais de três milhões de toneladas de milho ainda estão armazendadas em Mato Grosso a espera de compradores. O número é a soma das 340 mil toneladas da safra 2008/09 que restam ser negociadas com o volume em posse dos produtores e os estoques em armazéns credenciados pela Companhia Nacional de Abastecimento -Conab-, que de 900 mil toneladas em 2008 agora atinge 2,7 milhões de toneladas. Continue lendo

Gazeta Digital – 29/03/2010

O diretor executivo da Aprosoja, Marcelo Duarte, prevê um ano pior do que as últimas safras aos agricultores de milho. Ele confirma a superprodução e que o Estado tem que ter alternativa para escoamento da produção recorde. O excedente de cerca de 7 milhões de toneladas entre o balanço de oferta e demanda, que deve ter na atual safra do milho, precisa urgente da definição do governo federal para política de comercialização. “A situação é mais grave, precisamos escoar”. Continue lendo